Brentwood

Designer Nacionais

Pedro Mendes

Pedro Mendes

Formado em desenho industrial pela Universidade Mackenzie, tem um ateliê em São Paulo. Para ele, design é uma questão de educação e cultura. “No Brasil, temos um nível bom, mas precisamos aumentar o público consumidor”, afirma. Começou a trabalhar com desenho de mobiliário na loja Plano Decorações de Sylvia Kowarick, uma das mais renomadas de decoração da época.

Abriu um escritório para projetos de mobiliário e decoração e montou uma marcenaria para criar suas próprias peças, que se tornou uma pequena fábrica. Esta evolução acabou por criar uma parceria com a tradicional fábrica dos Pianos Fritz Dobbert. Quando foi fundada, a SETTE, uma divisão feita para a fabricação de móveis para o mercado Premium, unindo a criatividade e o conhecimento de Pedro Mendes a uma fábrica com mais de 50 anos de tradição em fabricação de pianos, a única no gênero da América Latina. A SETTE transformou a criatividade e o design de Pedro Mendes em produtos disputados no mercado.

Hoje, Pedro Mendes trabalha com materiais ecologicamente corretos, como o MDF, compensados e folhas certificadas, madeiras maciças comoo Pinho de reflorestamento e o Lyptus, ambos laminados.

Nada é descartado na natureza, os desenhos são inéditos e criativos, a mistura de diferentes materiais, são feitos com equilíbrio e elegância.

Pedro Mendes é, sem dúvida, um dos mais criativos e inovadores designers do mercado, tem móveis vendidos para vários países da América do Sul, América Central e América do Norte, África e Europa.

É especializado em computação gráfica voltada para o design de móveis, o que ajuda a diminuir o tempo de desenvolvimento das peças e permite uma perfeita visualização do móvel acabado. Hoje se dedica aos móveis, criação e fabricação de Luminárias, Projetos para Arquitetura de Interiores e consultoria em design para diferentes segmentos industriais.

A criatividade dele vem de diferentes formas, através de uma colaboração espontânea ou de uma encomenda específica de uma empresa. “Quando se trabalha com criatividade você têm que estar ligado 24 horas por dia, até mesmo dormindo.”